Saúde & NegóciosÚltimas Matérias

Saúde & Negócios/ Luiz Francisco Corrêa

Startup de saúde Tuinda Care cresce 125% no primeiro semestre

          O faturamento do startup, distribuidora exclusiva do primeiro kit portátil para exame físico remoto do Brasil, aprovado pela Anvisa, cresceu 125% no primeiro semestre de 2022, na comparação com os seis últimos meses do ano passado. A empresa, que tem como aceleradores os hospitais pediátricos Pequeno Príncipe (PR) e Sabará (SP), referências na área, inicia o segundo semestre próxima de bater a meta do ano.

O crescimento é resultado de uma reestruturação do startup e da diversificação do mercado consumidor, formado, hoje, por médicos, hospitais, operadoras de saúde e integradores da prestação de serviço de saúde.

A Tuinda Care é a distribuidora exclusiva do TytoCare no Brasil, uma solução tecnológica que conecta médico e pacientes para realizar exame físico remoto, permitindo ao médico auscultar o pulmão, coração e abdome do paciente, aferir a temperatura corporal, avaliar ouvido, garganta e lesões de pele através de câmera de alta resolução. Dessa forma, possibilita o diagnóstico seguro de infecções como amigdalite, otite, pneumonia, entre outros.

        Para Fábio Mattoso, CEO da empresa, “devices como o TytoCare já são uma realidade em países da Europa, Ásia e Estados Unidos, há anos. A pandemia favoreceu a expansão da telemedicina no Brasil e as empresas e profissionais de saúde, que oferecem este serviço, estão descobrindo que os dispositivos para realização de exames físicos à distância agregam qualidade, agilidade, trazem conforto para o paciente e reduzem custos”.

Vera Cruz Casa de Saúde inicia Pronto-Socorro de Ortopedia

O Vera Cruz Casa de Saúde, em Campinas, iniciou neste mês os atendimentos no Pronto-Socorro de Ortopedia, com um serviço completo de assistência ao paciente, localizado dentro do pronto atendimento da unidade. O serviço, coordenado pelo Dr. José Luís Zabeu, disponível 24 horas por dia, conta com duas salas de atendimento e outra para colocação de gesso, além de toda a estrutura do hospital para realização de exames laboratoriais, e diagnóstico por imagem, contando com raio X, tomografia e ressonância magnética. O hospital oferece atendimento a uma série de convênios médicos, incluindo a Unimed Campinas. 

Para Fábio Pereira Fraga, diretor-presidente do Vera Cruz Hospital, o início do serviço é uma conquista para a população de Campinas. “O Vera Cruz Casa de Saúde está situado em uma região altamente povoada, que usa o hospital há décadas. A retomada dos atendimentos com a gestão do Vera Cruz oferece uma equipe médica altamente capacitada para proporcionar à população um acolhimento acolhedor e seguro. E o serviço de ortopedia chega para somar com os demais, já contemplados pelo hospital em seu processo de expansão, a fim de proporcionar um atendimento humanizado e de qualidade a todos os pacientes” 

Testes genéticos ampliam horizonte do diagnóstico e tratamento do câncer de pulmão

Na era da oncologia de precisão não basta saber que o paciente, ao ser diagnosticado com tumor maligno no pulmão, tem câncer de uma histologia específica neste órgão. É necessário saber a sua classificação molecular, ou seja, se este tumor é, por exemplo, adenocarcinoma pulmonar, com mutação no gene EGFR. Esta informação, obtida por meio de um teste genético, é essencial para oferecer ao paciente um acompanhamento e tratamento personalizado. É a chamada Oncologia de Precisão, que tem no câncer de pulmão o exemplo mais efetivo de evidências consolidadas, que alteraram a história natural da doença.

Em alusão à campanha Agosto Branco, mês de conscientização sobre o câncer de pulmão, a Igenomix Brasil, laboratório multinacional de biotecnologia, destaca a contribuição do conhecimento em genética para o sucesso terapêutico e potencial aumento da sobrevida de pacientes com neoplasias pulmonares. “Dentre as neoplasias malignas, o câncer de pulmão foi o que mais evoluiu por conta da Oncologia de Precisão. Com a utilização da análise molecular do material genético tumoral é possível identificar quais genes estão envolvidos no desenvolvimento desse tipo de neoplasia.

Daí a importância do painel de genes contemplando a análise de, principalmente, EGFR, KRAS, BRAF, ALK, ROS1, RET, MET, NTRK1, NTRK2 e NTRK3, que permite identificar não apenas as vias moleculares envolvidas no desenvolvimento do câncer,  mas, também, o potencial benefício do uso de uma terapia alvo ou tratamento convencional com quimioterapia. “Isso garante a entrega do melhor tratamento para cada grupo de pacientes”, afirma o biólogo molecular Gabriel Macedo, Head de Oncologia de Precisão da Igenomix Brasil”

MEDX Tecnologia: novos recursos

A MEDX é uma scale up no segmento de prontuário eletrônico, com 16 anos de mercado, que vem aumentando os recursos da sua plataforma para médicos e clínicas. A previsão para este ano é dobrar o faturamento de 2021, após crescimento médio de mais de 35% ao ano nos últimos seis anos. O objetivo é quase triplicar o número de usuários da plataforma nos próximos três anos, passando dos atuais 12.000 para 30.000.

Além da solução de telemedicina integrada, a MEDX investe em uma nova vertical de negócios na área de educação médica continuada, com investimento programado para 2022 de R$ 2 milhões, entre pesquisa/desenvolvimento, produção de conteúdo e marketing.

Para o CEO da empresa, Dr. Carlos Lopes, os investimentos vão de encontro ao plano de negócios de oferecer cada vez mais soluções inovadoras na área de tecnologia em saúde.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo