Em FocoÚltimas Matérias

Saúde Ocular: a importância do diagnóstico precoce como prevenção de doenças!

No recente 10 de julho foi celebrado o Dia da Saúde Ocular, data importante para alertar a população sobre a importância da prevenção das doenças da área. Para que se tenha uma ideia da gravidade da situação, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 2,2 bilhões de pessoas têm deficiência visual no mundo e em torno de 1 bilhão desses casos poderia ter sido evitado ou tratado. De acordo com o Conselho Federal de Medicina (CFM), entre 2019 e 2020, a oftalmologia registrou a maior queda de atendimentos, 34%.

Ouvido pelo Portal Medicina e Saúde, o Dr. Geraldo de Barros Ribeiro, especialista em Oftalmologia Pediátrica e Estrabismo na University of Michigan (1993-1994), informa que a prevenção de doenças oculares começa desde o nascimento. A boa visão é muito importante no desenvolvimento global e na qualidade de vida das pessoas”. Ele foi também presidente do Centro Brasileiro de Estrabismo (2005/2007) e é membro do   Conselho do Instituto UnimedBH.

Conforme ressalta, “a maioria das pessoas com deficiência visual e cegueira tem mais de 50 anos. No entanto, a perda de visão pode afetar pessoas de todas as idades. As principais causas de deficiência visual e cegueira são erros de refração não corrigidos, catarata, degeneração macular relacionada à idade, retinopatia diabética e glaucoma”.

As causas são inúmeras e variam conforme a disponibilidade de serviços de atendimento oftalmológico, acessibilidade e cuidados preventivos com a visão de cada país.

Falta de óculos – De acordo com o Dr. Claudio Lotthenberg, presidente institucional do Instituto Coalização Saúde e do Conselho da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, “a falta de óculos é a principal causa de cegueira no Brasil, o que é inaceitável. Precisamos, assim, reforçar a importância da medicina preventiva e trabalhar para a ampliação do acesso à saúde ocular. O diagnóstico precoce ainda é a melhor solução para que as doenças da visão sejam devidamente detectadas e tratadas e o paciente tenha qualidade de vida”, declara.

Exames de rotina – Exames oftalmológicos de rotina são importantes em todas as fases da vida, desde o nascimento, acrescenta o Dr. Mick Harter/oftalmologista do Grupo San Pietro/Porto Alegre. Segundo ele, a consulta especializada é essencial no diagnóstico e tratamento. “Somente através dela é possível diagnosticar e tratar doenças oculares, evitando quadros de deficiência visual na população, muitas vezes irreversíveis quando não é feito o diagnóstico ou tratamento no tempo adequado”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo