Em FocoÚltimas Matérias

Atualização dados Influenza e Covid na rede Dasa:  31 janeiro de 2022

Levantamento realizado pela Dasa, rede de saúde integrada do Brasil, identificou uma ligeira queda de positividade para SARS-CoV-2 (vírus da Covid-19), passando de 60,39% na semana passada (17 a 23 de janeiro), para 58,62%, nesta semana (de 24 a 30 de janeiro de 2022), nas mais de 900 unidades de saúde da marca em todo Brasil. Houve um aumento de 51,1% no volume de testes de Covid-19 realizados em toda a Dasa no Brasil na semana de 24 a 30 de janeiro.

O Rio de Janeiro é a região onde há maior registro de queda da média de positividade, com menos 9 pontos percentuais: de 65,62% na semana de 17 a 23 de janeiro, para 56,26% na semana de 24 a 30 de janeiro de 2022.

Em São Paulo, também houve diminuição na positividade para SARS-CoV-2, passando de 60,44% para 56,57% no mesmo período. Já o Distrito Federal apresentou crescimento de 4 pontos percentuais de positividade, passando de 49,55%, no mesmo período acima.

Outra região com aumento de positividade para Covid-19 foi o Nordeste, passando de 60,98% para 64,68%, no mesmo período, 4 pontos percentuais a mais.

Coinfecção – Na semana de 24 a 30 de janeiro houve estabilização nos casos coinfecção de Covid-19 e Influenza, marcando 0,91%, índice de positividade entre os pacientes da rede Dasa testados, concomitantemente, para ambos os vírus respiratórios. Até o momento, foram registrados 396 casos de coinfecção no Brasil pela rede.

Influenza – Houve uma queda de 9,7% no volume de testes de Influenza realizados em toda a Dasa no Brasil na semana de 24 a 30 de janeiro, em comparação com a semana anterior, de 17 a 23 de janeiro de 2022. A positividade também sofreu uma ligeira queda entre as mesmas semanas, de 5,74% para 5%.

No Rio de Janeiro, apesar do volume de testes ter reduzido em 41% no período entre a semana de 24 a 30 de janeiro de 2022, em comparação com a semana passada de 17 a 23 de janeiro de 2022, houve um aumento de 4 pontos percentuais na positividade para Influenza, passando de 1,14% para 4,82%. Já em São Paulo, o volume de testes diminuiu 44,9% e a taxa de positividade caiu de 3,62% para 2,56% no mesmo período.

No Distrito Federal, o volume de testes para Influenza aumentou 95,5% entre os dias 24 e 30 de janeiro de 2022, comparado ao período de 17 a 23 de janeiro. Apesar do aumento de testes, a taxa de positividade apresentou queda de 6 pontos percentuais, passando de 12,81% para 6,46%, no mesmo período.

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo