Saúde & NegóciosÚltimas Matérias

Saúde & Negócios / Luiz Francisco Corrêa

São Paulo é o estado que mais cresce em adesões a planos médico-hospitalares no país

Nos últimos 12 meses, encerrados em junho de 2022, o Estado de São Paulo registrou o maior crescimento do país em novas adesões a planos médico-hospitalares em números absolutos – saltou de 17,4 milhões para 18 milhões. A alta de 3,4%, mesmo índice da média nacional, resultou no acréscimo de 594 mil vínculos no período, aponta a Análise Especial da Nota de Acompanhamento de Beneficiários (NAB) nº 72, desenvolvida pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS).      

O Estado é o recordista em número de vínculos e também possui a maior taxa de cobertura por planos médico-hospitalares no território nacional (39%). Além disso, em junho deste ano, representava 36% do total de beneficiários do País – atualmente com 49,8 milhões, ou seja, um a cada três vínculos pertence a um paulista.  

De acordo com o estudo, as adesões a planos coletivos empresariais foram as que mais cresceram. Em um ano, houve acréscimo de 660 mil beneficiários na modalidade (alta de 5,3%): em junho de 2021 eram 12,4 milhões; em junho de 2022, 13,1 milhões. Em contrapartida, no mesmo período, houve queda de 3,7% nas adesões aos coletivos por adesão, que representam perda de 69,9 mil vínculos.

Vendas de medicamentos oncológicos aumentam em 32% em 1 ano

De acordo com o levantamento da InterPlayers, houve uma procura maior de medicamentos para tratamentos oncológicos entre junho de 2021 e junho de 2022. O crescimento total foi de 32%, segundo o banco de dados da empresa. Distrito Federal e Rio de Janeiro são os estados que lideram em vendas, com um aumento de 135,63% e 64,09%, respectivamente.Os estados de Espírito Santo e São Paulo, ambos conseguiram também um alto índice de crescimento, com 32,69%, e 15,57%, em sequência. 

Ainda com base na pesquisa realizada, os estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul obtiveram os piores números nesse sentido, com – 45,66% para o MT e -15,49% para o MS, sendo os estados com menor número de vendas, se comparados com os demais.

A alta da procura por medicamentos oncológicos parece preocupante à primeira vista, mas o fenômeno pode ser mais um daqueles relacionados às restrições causadas pela pandemia de covid-19. Durante a primeira onda de contaminação, iniciada em 2020, clínicas e hospitais públicos e privados tiveram de cancelar consultas e internações eletivas por causa da necessidade de atender os pacientes que contraíram a corona vírus. Esse fator pode ter sido responsável por distorcer o resultado.

De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), publicados em junho do ano passado, em 2020, 309.750 homens brasileiros foram diagnosticados com algum tipo de câncer. Desse total, 65.840 apresentaram câncer de próstata. Entre as mulheres, o número de novos casos em 2020 foi de 316.280, sendo o de mama o mais comum, com 66.280 novos diagnósticos.

QIAGEN realiza seu primeiro Fórum de Inovação 2022

Com o objetivo de compartilhar conhecimento e promover a troca de grandes insights em torno da biologia molecular e todas as suas contribuições às ciências da vida, a QIAGEN – multinacional líder em biotecnologia – promove o primeiro Fórum de Inovação 2022. Ele acontece neste mês de setembro, em caráter mundial e online, tendo em sua programação uma série de palestras e discussões, ministradas por especialistas, de forma gratuita e voltada a pesquisadores, cientistas e entusiastas deste universo.  O encontro será em dois períodos, entre os dias 20 e 23 e entre 27 e 30.

Diante das crises globais e de meio ambiente em curso, o Fórum concentrará as abordagens dentro das últimas inovações em “Pesquisa sobre câncer”; “PCR Digital”; “Microbioma e microbiologia”; “Pesquisa Farmacêutica e Biotecnologia”; “Pesquisa de SARS-CoV-2” e “Sustentabilidade e Jovens Cientistas”. 

Informações sobre Fórum de Inovação 2022:

https://www.qiagen.com/br/knowledge-and-support/knowledge-hub/events-and-webinars/webinars/innovation-forum?intcmp=atlas286#agenda.

VITAMEDIC investe mais de R$ 560 milhões na ampliação

do seu novo parque fabril

O Grupo José Alves investiu nos últimos sete anos mais de R$ 560 milhões na ampliação, modernização e implantação do moderno parque tecnológico da VITAMEDIC, além de milhares de horas em treinamento dos seus colaboradores e investimentos em pesquisas e desenvolvimento (P&D). Em 25 de agosto, sua indústria farmacêutica vai inaugurar as fases I, II, III e IV de sua expansão fabril, que saltou de 5.500 para 30.000 m² e conta com equipamentos de última geração da Alemanha e Itália.

O plano, constituído por sete fases, teve início na construção do Centro de Recebimento e Distribuição destinado à recepção e armazenagem de matéria-prima e insumos para a produção de medicamentos.

A fase II, iniciada em 2017, foi formada pela edificação de três pavimentos verticais para atender novas tecnologias de fabricação de remédios sólidos, semissólidos, líquidos e gotas.

Check-Up Executivo do Hospital Moinhos de Vento/Canoas/RS

Com a integração de parte da rede de operações do Hub da Saúde Maxplaza, o Hospital Moinhos de Vento realiza o Check-Up para Executivos de Empresas e pacientes particulares em Canoas/RS. O serviço é uma solução prática e eficiente para quem busca uma revisão de suas condições de saúde, a partir de análise de histórico familiar, doenças prévias, hábitos de vida, consulta com especialistas e realização de vários exames.

Aproveitando a robusta estrutura de um dos maiores centros de saúde e bem-estar do Rio Grande do Sul, o Hub possibilita ao paciente realizar todo o check-up em apenas um turno do dia.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo