Medicina & Saúde JovemÚltimas Matérias

Vida de Estudante

Os jogos universitários estão de volta

Os jogos universitários são eventos organizados pelos próprios acadêmicos com o intuito de promover o esporte e o lazer. Tais eventos ocorrem geralmente em épocas de feriado, visando atingir o maior número possível de estudantes, e sempre em cidades diferentes a cada edição. A exemplo, o curso de Direito possui os Jogos Jurídicos, a Economia realiza o Economíadas, a Engenharia compete nas Engenharíadas e a Medicina joga no Intermed. Tais eventos costumam ser de curta duração, habitualmente três a quatro dias, e conta com jogos esportivos, ao longo do dia, bem como uma festa no período da tarde e da noite. As modalidades esportivas atendem a todos os gostos. Vão desde futebol, basquete e vôlei, até mesmo xadrez, sinuca e ping-pong.

Após cerca de 2 anos de pandemia, os jogos estão de volta, o que é motivo de muito entusiasmo e expectativa dos acadêmicos, tanto daqueles que vão entrar em campo, como daqueles que irão torcer e vibrar nas arquibancadas e, em seguida, nas festas.

Falando da Medicina, esse ano em junho, ocorreu a Copa Rio Minas (CRIMI) em Juiz de Fora, em que as atléticas das faculdades de Minas Gerais disputaram com as do Rio de Janeiro. Além do CRIMI, em outubro ocorrerá o Intermed, que será sediado na cidade de Uberaba.

Ao chegar na cidade, os estudantes escolhem como vão se hospedar. Alguns preferem se acomodar em hotéis ou apartamentos, pagando por fora. Outros optam por ficar no alojamento de sua faculdade.

Recomendo a todos que tiverem a oportunidade de ir nos jogos. É uma experiência incrível, desde a compra do evento e o entusiasmo de chegar à viagem até o momento de colocar a camisa da sua faculdade e torcer por ela.

Tive a possibilidade de ir em dois jogos, no Intermed de 2019, logo quando entrei na faculdade, e no CRIMI, este ano. Ter ido no Intermed quando calouro foi algo muito importante para estar onde estou agora, pois fiz novas amizades e conheci pessoas incríveis que estão comigo até hoje, além de ter tido experiências fantásticas.

Acredito que devemos viver estes momentos enquanto ainda somos novos, pois o tempo não é algo que volta.

*Wagner Scalabrini Neto é aluno do 6º. Período do curso de Medicina Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais/FCMMG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo