Hospitais do BrasilÚltimas Matérias

Hospital Municipal Carlos Chagas em Itabira realiza mais de 50 cirurgias ginecológicas durante mutirão

Cirurgias coordenadas pela equipe de profissionais da Fundação São Francisco Xavier foram realizadas pelo SUS

O Hospital Municipal Carlos Chagas (HMCC), em Itabira (MG), administrado pela Fundação São Francisco Xavier, realizou, com apoio da Secretaria Municipal de Saúde de Itabira, de 26 a 28 de agosto, o I Mutirão de Cirurgias Ginecológicas. Foram mais de 50 procedimentos no total, sendo todos pelo SUS. A iniciativa foi coordenada pela equipe do cirurgião Maurício Bechara Noviello e Admário Silva Santos Filho, em parceria com o time de colaboradores do Centro Cirúrgico e Centro de Materiais Especiais (CME) da unidade.  

Entre as cirurgias realizadas estavam procedimentos de histeroscopias(cirurgia que permite identificar e tratar eventuais alterações existentes dentro do útero, como pólipos, miomas, sangramentos uterinos e alterações anatômicas); histerectomia (remoção do útero, que também pode incluir a retirada das trompas e do ovário); miomectomias (remoção de um mioma uterino, em que o útero permanece preservado), ooforectomias (procedimento de remoção de um ou dos ovários), salpingotripsias bilaterais (termo técnico para ligadura tubária, ou seja, quando é retirada apenas um pedaço da tuba uterina), entre outras.

A dona de casa Maria de Fátima Gomes, de 65 anos, é uma das mulheres atendidas pelo mutirão. Moradora do bairro Água Fresca, em Itabira, ela descobriu uma alteração no útero há cerca de quatro anos e precisava realizar uma histeroscopia. “Comecei a ter sangramentos, fiz vários exames e devido à pandemia tudo ficou mais difícil. Estava tudo pronto para ir até Belo Horizonte realizar a cirurgia. Foi muito bom poder fazer esse procedimento em minha cidade sem ter que viajar. Graças a Deus a cirurgia foi realizada com sucesso. Estou muito bem”, conta.

A coordenadora do Hospital Municipal Carlos Chagas, Luciana Soares Costa, enalteceu a iniciativa dos profissionais. “Foi muito importante a participação de todos da equipe, que não mediram esforços. Estamos orgulhosos em poder ajudar essas mulheres a realizar procedimentos tão importantes para saúde ginecológica. Muitas esperam anos por essa oportunidade. O que oferecemos foi tecnologia e comodidade para essas pacientes”, comemora.  

A supervisora do Centro Cirúrgico do HMCC, Karina Eulália de Carvalho Souza, ressalta que a expectativa era alta para esse mutirão, principalmente pela importância dessas cirurgias para essas mulheres. “Deu tudo certo! Agradeço a todos os demais setores que contribuíram para a realização dessa iniciativa”.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo