Em FocoÚltimas Matérias

Dupla atenção: gripe e covid, evite aglomeração!

Passadas as festas de final de ano, quando houve aglomeração de pessoas em vários locais, os postos de saúde e pronto atendimentos de hospitais do país estão lotados de pacientes com sintomas da gripe influenza e covid 19, nesse caso, segundo especialistas, não se sabe qual variante, podendo haver dupla infecção – gripe e covid -, que foi batizada de Florona.

Para saber mais sobre esse assunto, o Portal Medicina e Saúde ouviu o Infectologista Estevão Urbano, diretor da Sociedade Mineira de Infectologia. Segundo ele, os pacientes podem adquirir gripe e covid ao mesmo tempo porque ele pode ter contato em um momento, com alguém que tem influenza, e adquirir a gripe, e em momento seguinte, pode ter contato com quem tem corona, e adquirir a covid 19.

“Os sintomas são parecidos, com relação à influenza pura e à covid pura, ou seja, febre, dor no corpo, dor de garganta e tosse. Nos quadros severos, falta de ar. Mas não se sabe ainda se, no caso de uma infecção dupla, poderia haver um quadro mais grave do paciente, com insuficiência respiratória, do que com apenas uma doença isolada”, observa o médio.

Nesse sentido, ressalta Dr. Estevão Urbano, a dica para a população é evitar o contágio, não se aglomerando, se vacinando, usando máscara e higienizando as mãos. “Para aqueles com sintomas muito leves é melhor ficar em casa para não aglomerar o sistema de saúde. Se piorar, aí sim, procurar imediatamente atendimento médico-hospitalar.

Aqueles que fazem questão de saber qual é o seu vírus e a real gravidade de seu quadro, deve procurar o sistema público ou privado de saúde, para uma consulta presencial, ou pela telemedicina”, orienta.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo